A Geopolítica da Amazônia no século XXI: o pensamento de Mário Travassos revisitado

André Luiz Varella Neves

Resumo


O objeto deste artigo é a tese do Capitão Mário Travassos apresentada na obra intitulada Aspectos Geográficos Sul-Americanos, de 1931. O objetivo foi submetê-la ao crivo das mudanças da política internacional na América do Sul no século XXI, focando na presença dos EUA na região. Concluímos que os seus prognósticos permanecem atuais. 


Palavras-chave


Mário Travassos; Amazônia; Estados Unidos da América; Países Andinos

Texto completo:

PDF

Referências


Anselmo, Rita e Vinícius Teixeira. 2010. “Integração e Conflitos na Região Amazônica”. Revista Geopolítica, 2 (1): 57-76.

Alsina Jr., João P. 2009. “O Poder militar como instrumento da política externa brasileira contemporânea”. Revista Brasileira de Política Internacional. 173-191.

Bandeira, Luís A. Moniz. 2010. Geopolítica e Política Exterior: Estados Unidos, Brasil e América do Sul. Brasília: Fundação Alexandre Gusmão.

Bruckmann, Monica. 2011. “Recursos Naturais e Geopolítica da Integração Sul Americana” In: Viana, André; Barros, Pedro; Calixtre, André (Org.) Governança Global e Integração da América do Sul. Brasília: IPEA.

Calógeras, Pandiá. 2001. Dicionário Histórico Biográfico Brasileiro pós 1930. 2. ed. Rio de Janeiro: FGV. Disponível em: . Acesso em: 09 out. 2009.

Centro de Estudo em Políticas e Estratégias Nacionais General Meira Mattos. 2000. A Geopolítica Brasileira – predecessores geopolíticos. Artigos para Escola Superior de Guerra, 9. Disponível em: . Acesso em: 09 out. 2017.

Central Intelligence Agency. Disponível em: : . Acesso em: 13 jun. 2017.

Costa, Wanderley M. 2009. “O Brasil e a América do Sul: cenários geopolíticos e os desafios da integração”. Confins. Reveu française-brésilienne de géographie. Disponível em: . Acesso em: 07 set. 2011.

Couto e Silva, Golbery. 1981. Planejamento Estratégico. Brasília: UnB.

Gandásegui, Marco. 2015. “América Latina y EEUU: una relación asimétrica”. Disponível em: . Acesso em: 13 set. 2017.

Guimarães, Samuel Pinheiro. 1999. Quinhentos anos de periferia. Porto Alegre: UFRGS.

Mackinder, Halford. 1904. “The Geographical Pivot of History”. The Geographical Journal, XXIII (4), april. London: Read at The Geographical Society.

Mattos, Meira. 2002. Geopolítica e Modernidade: Geopolítica brasileira. Rio de Janeiro: Bibliex.

Medeiros Filho, Oscar. 1998. “Conselho de Defesa Sul-americano”. In: II Encontro Nacional da Associação de Estudo de Defesa. Universidade Federal Fluminense, julho.

Mello, Leonel I. A. 1997. A Geopolítica do Brasil e a Bacia do Prata. São Paulo: Hucitec.

Miyamoto, Shiguenoli. 1981. Os Estudos Geopolíticos no Brasil: Uma contribuição para sua avaliação. São Paulo: Perspectiva.

Neves, André L. Varella. 2015. “A Geopolítica dos Estados Unidos no Século XXI: As implicações para a política de defesa do Brasil” In: Gheller, Gilberto, Gonzales, Selma, Melo, Laerte (Org.). Amazônia e Atlântico Sul: desafios e perspectivas para a defesa do Brasil. Brasília: IPEA.

Oliveira, Eliézer. R. 2009. “A Estratégia Nacional de Defesa e a Reorganização e Transformações das Forças Armadas”. Interesse Nacional. Abril/Junho. Disponível em: . Acesso em: 01 dez. 2011.

Oliveira, Marcos A. G. 2011. Comparando a Defesa Sul-Americana. Recife: UFPE.

Padula, Raphael. 2004. Infraestrutura, Geopolítica e desenvolvimento

na integração sul-americana – uma visão crítica à IIRSA. Laboratório de Estudos da América Latina (LEAL). Disponível em: . Acesso em: 17 abr. 2012.

Rippel, Márcio P. 2004. O Plano Colômbia como instrumento da política norte-americana e suas consequências. Rio de Janeiro: Escola de Guerra Naval.

Spykman, Nicholas. 1942. America’s Strategy in world politics: The Unites States and the balance of power. New York: Harcout, Brace and Company.

The U.S. Southern Command.2009. The Area of Responsibility. Disponível em: . Acesso em: 14 mar. 2010.

Tosta, Otávio. 1981. Teorias Geopolíticas. Rio de Janeiro: Bibliex.

Travassos, Mário. 1942. Introdução à Geografia das Comunicações Brasileira. Rio de Janeiro: Jose Olympio.

Travassos, Mário. 1947. Projeção Continental do Brasil. São Paulo: Nacional.




DOI: http://dx.doi.org/10.26792/rbed.v5n1.2018.75091

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


INDEXADORES